Siga-nos nas redes sociais

Vidas

Dolores Aveiro conta o que sofreu com o AVC. “Pensei que era uma despedida”

Publicado

em

Há precisamente um ano, Dolores Aveiro sofreu um AVC. A mãe de Cristiano Ronaldo assinalou a data com um emocionante texto no qual retrata os piores dias da sua vida e revela até que pensou ser “a despedida”.

“Faz hoje um ano que vi a minha vida quase a fugir-me entre os dedos e afortunadamente eu consegui agarrar-me a uma luz, luz essa que me puxava para cima. Nunca falei abertamente sobre o que aconteceu na verdade. (…) Nunca fui de me vitimar, falo nas minhas histórias de superação com orgulho e não para que sintam pena de mim, sei que tem milhões de histórias iguais ou piores que a minhas, mas cada um sabe da sua dor, não é verdade?”, começou por explicar.

“Eu fiquei na cama de um hospital ligada a dezenas de fios e entubada, as horas seguintes ao AVC foram de tortura para os meus, eles não sabiam como eu iria acordar, eles não sabiam como seriam os danos, eles estavam com medo de me perder para uma cama de hospital. Inválida, sem os reconhecer e com muitas limitações (típico do que me aconteceu) nunca foi contado em público a gravidade da minha situação naquele momento”, acrescentou.

“Pensei que era uma despedida, uma amarga despedida, fiquei confusa, perdida, mas percebi que afinal tinha acabado de sobreviver a algo muito forte e por eles teria que ser forte e voltar a ser quem eu era. Foi por eles que eu me reergui, foi pelos meus netos que me fortaleci foi por aquele neto (Cristianinho) que pediu ao pai dele para me ver no hospital mesmo no estado em que eu estava, ele sabia que o abraço dele era uma das coisas que eu mais precisava para sair dali vencedora, e fui, iniciei um caminho de luta, lágrimas dúvidas, dias e dias lentos”, revela ainda Dolores Aveiro.

“Espero ser uma inspiração e fazer com que esta minha mensagem sirva para vos dizer que só o amor e a fé podem salvar o mundo”, finalizou.

Leia o texto completo na descrição da publicação abaixo partilhada por Dolores Aveiro.

Vidas

Vizinhança já não “aguenta” com Vin Diesel e faz reclamação

Publicado

em

Por

Apesar de Vin Diesel garantir que nunca teve intenção de incomodar a sua vizinhança, a verdade é que os moradores da mesma rua do ator se encontram bastante revoltados.

O motivo prende-se com os 12 seguranças de que Vin Diesel se faz acompanhar para todo o lado, inclusive para as suas férias na República Dominicana.

Um dos vizinhos explica que testemunhou e ouviu pessoalmente com “outros proprietários de casas a exibição abusiva e sem precedentes dos seus seguranças em torno das nossas casas e da praia”.

“Eles interrogam-nos, bloqueiam a nossa rua com cinco ou seis [carros]. Mandam parar os residentes enquanto caminham ou quando estás a andar de bicicleta”, explicou ainda.

A “gota de água” foi precisamente esta Páscoa quando, alegadamente, os seguranças do ator bloquearam o tráfego e os pedestres para que o ator e os seus três filhos pudessem andar de bicicleta.

Já há 20 anos que o ator escolhe o mesmo destino para visitar durante o período de férias e, até ao momento, nunca se fizerem ouvir queixas do seu comportamento, explicou fonte de Vin Diesel ao portal TMZ, acrescentando que, este ano, a equipa de segurança foi bastante reforçada uma vez que toda a sua família se encontrava presente.

Continuar a Ler

Vidas

Simone Oliveira critica artistas com “atitude de um egoísmo feroz”

Publicado

em

Por

Simone Oliveira anunciou há pouco tempo que vai retirar-se dos palcos e, também a esse propósito, deu uma entrevista na qual aborda alguns dos temas mais sensíveis para o setor da cultura do qual faz parte.

À revista Sábado, Simone Oliveira fez duras críticas acerca da falta de apoios ao setor, bem como as atitudes levadas a cabo por alguns artistas, classificando-as como um “egoísmo feroz”. Entre outros, Simone refere-se a Sandra Celas, Adelaide Ferreira e Wanda Stuart, que participaram numa manifestação anti-confinamento e contra o uso de máscara obrigatória.

“Quando tiverem uma pessoa a morrer por causa disso, talvez aprendam. Acho uma atitude parva. Concordo perfeitamente com a máscara e com o estarmos confinados, até para ver se não morremos todos”, começou por dizer a cantora.

“As pessoas do espetáculo podem reclamar, mas por outras coisas. É evidente que não temos, ou não tivemos até hoje, uma ministra da Cultura. Está desaparecida há uma eternidade. O facto de não termos trabalho é uma coisa. Não quererem usar máscara é uma atitude de um egoísmo feroz”, finalizou.

Continuar a Ler

Vidas

Cláudio Ramos faz importante apelo sobre regresso aos ginásios

Publicado

em

Por

A segunda fase de desconfinamento, a dia 5 de abril, ficou marcada pela reabertura dos ginásios, expeto para aulas de grupo.

Cláudio Ramos foi uma das figuras públicas que não dispensou visitar o ginásio logo na segunda-feira.

“O regresso aos poucos ao que já foi a nossa normalidade sabe bem. É a sensação de voltar a ter algum pedaço da nossa vida outra vez nas mãos”, começou por escrever o apresentador.

Cláudio Ramos fez ainda questão de advertir para o respeito das medidas de segurança.

 “Mas é preciso ir devagar. Com cautela. Continuar a usar máscara. Manter o distanciamento social sempre que possível e ter as mãos limpas muitas, muitas, muitas vezes. E muitas não chega!”, concluiu.

Ora veja a publicação!

Continuar a Ler

PODCASTS FAMA RÁDIO

TV

Jornal

Artigos recentes

ARQUIVO

Redes

Tendências